Amor de verdade a gente conserta, não joga fora


Considerado o “Poderoso Chefão” dos sentimentos, todo mundo quer encontrar o grande amor. Mas, ao mesmo tempo, ninguém quer dividir tristezas e desilusões, sentir as incansáveis dores físicas, passar por torturas psicológicas ou ficar noites sem dormir. Ninguém quer ter que aguentar o outro de mau humor,suportar as diferenças, compartilhar e ceder. 


As pessoas querem mesmo é viver apaixonadas, curtir aquele desejo e vontade de fazer sexo todas as noites, tomar sol em uma casa de veraneio na praia ao som dos pássaros cantando e viver o sonho da família Doriana. Por isso, os amores de hoje são tão descartáveis. A cada esquina se acha alguém para se apaixonar, mas ninguém para amar. Cadê as pessoas que estão dispostas a suportar, no dia a dia, as imperfeições e que estão afim a criar problemas e, depois, resolvê-los juntas? 

Está tão clichê dizer eu te amo e fazer amor (que nem pode mais se chamar de amor), que andar de mãos dadas não reflete companheirismo e um elo, mas sim, só mais duas mãos e alguns passos, que podem seguir separados. O que mais me impressiona não é nem o fato do “felizes para sempre” estar quase que em extinção, mas a coragem que as pessoas têm de, quando não conseguirem fazer as coisas darem certo e enfrentarem dificuldades juntas, se consolarem com o simples “Não era pra ser…”. Porque afinal, a culpa toda é do destino. 

Esses dias estava tentando resolver um cubo mágico e me irritei tão fácil que obviamente não cheguei nem na primeira lateral de cores. Fiquei pensando na quantidade de coisas na vida que deixamos passar por falta de força de vontade. Com o amor é assim. Não queremos unir o azul, o amarelo, o verde, o branco e o vermelho, queremos só o vermelho e pronto. Mas para tudo e todo tipo de amor, sejam entre homens e mulheres, amigos e familiares é preciso de uma união de cores, sentimentos e mais do que isso, paciência. Tudo precisa se encaixar no lugar certo. Só que nós precisamos fazer nossa parte para que isso aconteça. Tentar, quem sabe? 

Por: Anna Paula Mattar – Via: Blog

Comentários

  1. então tem que ser sofrimento ? quando não da certo ? tem de aguentar violência psicológica ? e as vezes até física ? aguentar ciúme doentio ?
    vejo , leio, ouço as mulheres buscando sua liberdade seu direito de viver uma vida dígna sem se submeter a atrocidades do machismo e podemos dizer até vice e versa, pois existem também aquelas que tem um comportamento doentio
    a vida é boa dimais , para viver em cativeiro imposto pelo ''parceiro(a)''

    ResponderExcluir
  2. O texto não fala em violência física, abuso psicológico! Permanecer em uma relação assim não é falta de vontade, é falta de amor próprio, e necessita de muita atenção. O texto diz que nem tudo na vida é como queremos, nem todas temos a sorte de encontrar um principe, que as vezes precisamos ajudar as pessoas a serem melhores e não só apenas ficar descartando até encontrar ( e se encontrar) uma pessoa perfeita.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Perfeita sua resposta Iari e Tabata!

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei do texto pois um relacionamento tem altos e baixos sim nem sempre vc tem que descartar um grande amor por pequenas coisas vc tem sim que lutar exatamente pra ñ se arrepender depois nem td vai ser td mar de rosas td tem seus sacrifícios e vc tem fazer valer a pena e nunca andar pela cabeça dos outros e sim o que vc quer e o que realmente sente abraços...

    ResponderExcluir
  6. Vou deixar meu comentário e gostaria que alguém me orientasse se possível.
    Tenho um relacionamento a 6 meses e a gosto muito da pessoa, ja convivo bastante com a família dele, mas aos poucos venho descobrindo coisas ruins sobre ele, e ele não gosta que eu fique sabendo e só me pede ajuda para parar de beber e fumar. Mas as vezes ele some por uns dias bebe, perde contato comigo, e depois que reaparece pedi desculpas, chora e fala que vai mudar, mas isso já tem uns meses e eu estou me afastando dele, gostaria de uma orientação para saber como agir, se continuo com ele, ou como ajudá-lo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Depressão não é preguiça e nem desculpa, depressão é luta.

Mãe deixa mensagem para a atual do seu ex e emocionou tudo e todos

Ter uma irmã é o presente mais sublime que Deus pode te dar

Frases de Conquista

Reconquista Perfeita