Um dia a ficha caiu, necessitava encontrar alguém que não desistisse no primeiro problema

Imagem relacionada
Mais uma vez, coloco várias palavras perdidas em um papel. Mais uma vez, estou escrevendo, com seu sorriso no pensamento. E os olhos, bem, minha face se completa com lágrimas. Elas descem desenhando cada detalhe do meu rosto. Cada goya leva com si, um pedaço da nossa pequena história, que, como várias outras, chegaram ao fim.
Não, eu não compreendo o efeito drástico que você causa em mim.


Sim, se eu pudesse por um pequeno instante, voltar ao tempo.
Não, não  deixaria você entrar na minha vida.
Não, não é insatisfação.
Sim, você me deixou em pedaços.
Imagine, que sou uma flor, uma flor exige cuidados necessários. Você precisaria me cativar todos os dias, regar-me com seu amor, através de água. Me colocar no sol, para cuidar do meu bem-estar, e bem. Eu iria me tornar a flor mais bela do jardim.
Porém, ah, sempre a porém. Você deixou de me cativar, minha cor, que era extremamente bela, e estonteante, deixou de existir. Você deixou de dar-me amor. Meus espinhos estavam machucando a ti, mas, machucavam mais ainda, a mim...
Você não cuidou da minha saúde, não se preocupou se eu estava completamente bem, muito pelo contrário, deixou de se importar com meu bem-estar. Eu deixei de ser uma flor. Aos poucos, eu virei pó. Eu deixei de existir. Deixei de ser flor, deixei de ser bela. Eu já, não sabia exatamente quem realmente eu era.
O mais difícil, foi perceber que, eu necessitava abandonar a vida que eu havia planejado, justamente pelo fato de não ser mais a pessoa que fez aqueles planos.
Foi difícil perceber que você não se disponibilizava aos sábados a noite, para um filme e pipoca.
Foi horrível, saber que você não se dedicava aos almoços em família, aos domingos.
É, eu estava aos pedaços, quando percebi, que você não estava disposto nas manhãs de segunda-feira, quando nossos corpos e mentes envelhecem.
Sim, nas terças-feiras, eu ainda esperava que estivesse no portão de casa, me esperando, mas você nunca estava...
Ah, as quartas-feiras, popularmente conhecida como dia de namorar. Você raramente estava disponível. Me pergunto se ainda éramos namorados. Mas na verdade, nós nunca fomos.
Pois é, as quintas batiam na porta, e eu percebi que você não assumia minha dor voluntariamente, Não! Eu percebi que quem me causava dor, era você...
Sexta chegou. Então eu percebi que você não iria estar ao meu lado, quando todos se fossem.
O Sábado, bem. Foi o dia em que a fixa caiu, eu necessitava ficar solteira, até encontrar alguém que não desistisse, pois, as coisas ficaram difíceis, que diga estar comigo, e jamais me deixaria sozinha. E principalmente, alguém que não me causasse dor.

Pois, a todos que chegaram até aqui, trago algo que aprendi. Serei extremamente sincera, aprendi, através do tempo e ações de algumas pessoas, que nenhuma dor é eterna. Alguém ir

Letícia Schneider

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Depressão não é preguiça e nem desculpa, depressão é luta.

Mulher compra óculos na praia por R$35 sem se aperceber que na realidade pagou R$350

Ter uma irmã é o presente mais sublime que Deus pode te dar

Frases de Conquista

Reconquista Perfeita